Doutorado

EDITAL DE SELEÇÃO PARA BOLSISTA DE PÓS-DOUTORADO - PNPD/CAPES 2018

Critérios de Regulamentação: Estágio Docência

Roteiro Inicial de Estágio Docencia

Relatório Final de Estágio Docencia

 

O Programa de Pós-Graduação em Estatística da UFMG, nível Doutorado, tem como objetivo o desenvolvimento da habilidade de conduzir pesquisa original e independente, em áreas específicas da Estatística, bem como a formação de docentes para o ensino superior. O curso envolve a preparação obrigatória de tese, compreendendo revisão bibliográfica adequada, com sistematização das informações existentes e do planejamento e realização de trabalho necessariamente original.

  • Foco das Pesquisas

Os projetos de pesquisa dos docentes do programa procuram desenvolver soluções metodológicas inovadoras para a análise de dados e os alunos envolvem-se nestes projetos a partir do segundo ano. O corpo docente volta-se para pesquisas que sejam aplicadas e empiricamente orientadas e que tratam de problemas cientificamente importantes e socialmente relevantes. Parcerias com pesquisadores de outras áreas, tanto da UFMG como de outras entidades de pesquisa ou ensino e com instituições públicas e privadas também são desenvolvidas. Assim, o doutorado em Estatística procura focar suas pesquisas em projetos que tratam de importantes questões práticas de análise de dados, acumulando experiência preferencialmente de projetos de grande porte e complexos que exigem uma coleta de dados de alta qualidade. Várias pesquisas teóricas e metodológicas têm sido e apresentadas em congressos nacionais e internacionais e publicadas em conceituados periódicos de circulação internacional.

  • Quem pode se candidatar?

Para entrada no programa não há exigência que o candidato tenha graduação em Estatística. Na verdade, considera-se interessante que o programa também inclua alunos com formações em outras áreas, tais como Engenharia, Matemática, Economia, etc. No entanto, são esperados candidatos com sólida formação quantitativa, possuindo bom conhecimento de cálculo diferencial e integral, de álgebra linear e de programação de computadores. O título de Mestre não é necessário, mas é aconselhável.

  • Duração do curso

A previsão é que o curso seja terminado dentro de um período de 48 meses.

  • Dedicação ao curso

Espera-se dos alunos dedicação integral ao programa durante o primeiro ano de estudos. A partir do terceiro ano é possível conciliar o curso com alguma atividade profissional adicional em tempo parcial. Alunos com bolsas de estudos devem ter dedicação integral durante todo o período de bolsa.

  • Exigência para titulação

Para obter o título o aluno deve completar 28 (vinte e oito) créditos (ver a estrutura curricular) e ser aprovado no exame de defesa da tese.

  • Bolsas de estudos

O Colegiado da Pós-Graduação em Estatística solicita quotas de bolsas de doutorado a instituições de fomento à pesquisa (CNPq, CAPES e FAPEMIG), que são distribuídas de acordo com critérios acadêmicos e que somente podem ser concedidas para alunos sem vínculo empregatício.

Alunos estrangeiros: Existem editais da CAPES e CNPq para bolsas de pós-graduação especificamente para estrangeiros como, por exemplo, o Programa de Estudantes-Convênio de Pós-graduação - PEC-PG. Ver maiores informações nos sites abaixo:
http://www.capes.gov.br/cooperacao-internacional/multinacional/pec-pg

Bolsas sanduíche (PDEE): O aluno de doutorado poderá realizar um estágio de 4 até 12 meses para desenvolver atividades no exterior, que sejam complementares e essenciais ao seu projeto de formação no Brasil. Os doutorandos matriculados no curso deverão informar-se na coordenação do programa sobre a disponibilidade de bolsas PDEE. Ver maiores informações nos sites abaixo:
CAPES: http://www.capes.gov.br/bolsas/noexterior/estagio_doutorandopdee.html 
CNPq: http://www.cnpq.br/normas/rn_07_021_anexo3.htm